Notícias RBL

As últimas notícias sobre/da RBL

Aquilino na próxima sessão de leituras

 

Aquilino5abril21horas

No próximo dia 5 de abril, pelas 21 horas, realiza-se mais um encontro do grupo de leitura "Os amigos das bibliotecas", na Biblioteca Municipal de Lousada. Desta vez, o tema das reflexões partirá da leitura das obras de Aquilino Ribeiro.


Os 50 anos da morte de Aquilino Ribeiro vão ser o tema de diversas ações da Associação Portuguesa de Escritores, numa iniciativa coordenada por Luís Machado. A 25 de fevereiro, no Panteão Nacional, onde estão os restos mortais de Aquilino, José Manuel Mendes, Mário de Carvalho, António Valdemar e Serafina Mendes evocam o homem e o escritor. A 19 de março, Alfredo Caldeira, Fernando Rosas, Mário Cláudio e José Manuel Mendes lembram, na biblioteca do Parlamento, o tempo da clandestinidade e exílio.

Depois, a 20 de abril, será a vez de uma visita guiada por Henrique Monteiro às Terras do Demo, onde nasceu Aquilino.

No dia seguinte, 21, será Mário Cláudio a guiar o itinerário de Romarigães, no Minho, tema de um dos romances de Aquilino e casa da família da sua mulher.

A 22 de maio, em Paris, Coimbra Martins, Eduardo Lourenço e José-Augusto França recordarão os tempos de exílio do escritor; dois dias depois, no restaurante La Closerie des Lilas (favorito de Aquilino e Hemingway), Luís Machado fala sobre os locais do escritor em Paris.

As comemorações terminam a 27 de maio, quando se completam 50 anos sobre a morte, com uma conferência de António Valdemar e Luís Machado: "De Garfo e Faca com Aquilino".
Ler mais: http://expresso.sapo.pt/escritores-evocam-aquilino-ribeiro=f787562#ixzz2PRJkQBCz

 

A sua obra:

A linguagem de Aquilino Ribeiro caracteriza-se fundamentalmente por uma excepcional riqueza lexicológica e pelo uso de construções frásicas de raiz popular, cheias de provincianismos. Aquilino foi sobretudo um estilista e, por isso, a sua linguagem vernácula e sem estrangeirismos é arejada, frequentemente condimentada nos diálogos com expressões entre grotescas e satíricas. Apesar de ter optado por uma literatura de tradição, Aquilino procurou ao longo da sua vida uma renovação contínua de temas e processos, tornando-se assim muito difícil sistematizar a temática da sua vastíssima obra.

Num número considerável de obras, Aquilino reflecte, ainda que distorcidas pela imaginação, cenas da sua vida: o convívio com as gentes do campo, a educação ministrada pelos sacerdotes, as conspirações políticas, as fugas rocambolescas, os exílios.

Até 1932, ano em que fixa residência na Cruz Quebrada, todos os ambientes, contextos e personagens que Aquilino cria, remetem para a sua querida Beira natal. O Malhadinhas, Andam Faunos pelos Bosques e Terras do Demo constituem o melhor exemplo desta situação. De facto, ver-nos-emos, com uma extrema facilidade, envolvidos com as suas personagens beirãs, os seus costumes, tradições e modos de falar típico. Aquilino Ribeiro como escritor não pode ser enquadrado em nenhuma das escolas e tendências da sua época.

Tem colaboração na revista Alma Nova, começada a publicar em Faro em 1914.

 

 

Sessão de leitura na BM

mapina15fev

No dia 15 de fevereiro, pelas 21 horas, realiza-se mais um encontro do grupo de leitura "Os amigos das bibliotecas", na Biblioteca Municipal de Lousada. Desta vez, as leituras centrar-se-ão nas obras de Manuel António Pina.

Convidam-se todos aqueles que queiram participar com entusiasmo.

 

Avaliação da biblioteca escolar 2010/11

Avaliação da biblioteca escolar

Na sequência da avaliação das bibliotecas, realizada pelas escolas no ano letivo de 2010/ 11, e tendo em conta a aproximação da data para a apresentação dos relatórios referentes à avaliação 2011/ 12, o Gabinete da Rede de Bibliotecas Escolares (RBE) entendeu por útil proceder a uma análise dos relatórios então produzidos, tendo em vista contribuir para o progresso deste trabalho no presente ano e uma maior eficácia na comunicação interna e externa dos seus resultados.
 

Hora do conto com muita trapalhada

Nesta quarta feira foi escolhida para hora do conto na Biblioteca Municipal de Lousada a história “Duarte faz tudo ao contrário” de Duarte Manuel Correia, dinamizada pelas as estagiárias do Curso de Animação da Escola Secundária e pelas estagiárias do Curso de Operadores(as) de Informática da Escola Básica e Secundária de Lustosa.
Assistiram à atividade os alunos do Jardim de Infância de Mós – Cancela Nova – Silvares.
No final da história passaram um vídeo do “Mister Bean -Atrasado para o dentista” com muita trapalhada à mistura. Em seguida as crianças fizeram um mural e um jogo intitulados de “Tudo ao contrário”.
As crianças levaram ainda um marcador de página alusivo à história.

 
Notícias RBE
RBE - Destaques
  • IFLA Global Vision
    Todos os professores bibliotecários são convidados a responder ao questionário que sustentará o desenho de uma estratégia futura comum a todas as bibliotecas, à escala mundial.
  • Recursos RBE no Portal das Escolas
    A Rede de Bibliotecas Escolares disponibiliza no portal das escolas sugestões de recursos para apoio ao currículo.
  • Cursos de formação pós-graduada 2017
    Oferta de cursos de pós-graduação e mestrados na área das bibliotecas escolares.
A Rede de Bibliotecas
Ligações:
Biblioteca Municipal Lousada
Biblioteca Municipal Lousada - Uma porta aberta ao conhecimento
AE Lousada
Biblioteca da Secundária de Lousada - Ciberjornal das atividades
AE Dr. Mário Fonseca
Biblioescola de Lustosa
AE Lousada Este
AELE - Biblioteca e Centro de Recursos Educativos
AE Lousada Oeste
Biblioteca Escolar do Agrupamento de Escolas de Lousada Oeste
CFAE Sousa Nascente
Centro de Formação de Associação de Escolas Sousa Nascente